Rascunho da primeira parte da saga Zero, to add imagens antes de publicar no DivulganteMorte, avaliem se quiserem

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Rascunho da primeira parte da saga Zero, to add imagens antes de publicar no DivulganteMorte, avaliem se quiserem

Mensagem  ShadyMorte em Dom Set 08, 2013 3:33 am

Analise:  Megaman Zero (1/4)

Spoiler:
Seguindo meu padrão de análises, contarei tudo o que conseguir sobre o jogo em questão. Então caso você não queira spoiler... como foi que tu achou esse post afinal? Enfim, leia por conta e risco e não chore depois. Boa leitura!

Episódio 1:  A Lenda Desperta

E essa magnífica saga inicia. Saga Zero é composta por quatro jogos interligados, lançados originalmente para Game Boy Advanced e adaptados em seguida para o Nintendo DS. Os gráficos não são superiores aos da saga X, porém se destacam bem, principalmente pela chamativa nova arte usada. Os desenhos estão diferentes, mais bonitos e futuristas, e não estão nada parecidos com os anteriores, tirando os clichês clássicos como as cores dos personagens e algumas formas básicas. Apesar de ser bem diferente, deu um ar original pra saga. Dessa vez X é apresentado como vilão e Zero como mocinho, e como o nome sugere, Zero é o protagonista. Apesar de não ter a mesma aparência, esse Zero é sim o mesmo Zero clássico e sua aparência nova é relacionada a nova arte empregada nessa saga em particular, e não é um remake ou realidade alternativa, não, é tudo a mesma coisa, só foi desenhado de outra forma. Eu joguei a saga Zero tanto num DS, quanto num 3DS e por fim, num emulador de GBA. Sinceramente... os gráficos no emulador, devido as diferentes configurações e talz, ficaram muito superiores aos dos portáteis... Afinal, além de usar uma resolução maior, os filtros só melhoraram ainda mais os gráficos, e por fim, jogar com controle é coisa de outro mundo... Deixando claro que zerei em todas as plataformas e só to falando minha preferência particular... Enfim, houve a adição de vários personagens e características novas pro game, como também remoções, por exemplo, as Cápsulas com Armaduras pro X, isso não tem mais, afinal, X não é o protagonista dessa vez. Eu vou explicar tudo mas dividirei entre os posts, pois como a saga Zero é 100% interligada, da pra explicar as coisas com calma... Então...
A Saga Zero é uma continuação a longo prazo da Saga X, tomando partida do final “ruim” de MegamanX5, onde X esquece completamente da existência de Zero e decide criar Arcadia, uma cidade onde os Humanos e Reploids viveriam em paz. Bem... Ai nasce um dos maiores bolos cronológicos que já vi na vida, e inclusive eu me confundo às vezes para falar, porém, como não estou falando e sim digitando, tentarei não me confundir. No final do X5 pré Zero, X e Zero morrem na batalha contra Sigma e suas carcaças se misturam aos destroços do local onde a luta aconteceu. Alguém encontra os restos de X, repara e o reinicia, porém com sua memória incompleta. Ele acorda com sua memória padrão, semelhante à de quando foi iniciado pela primeira vez como Projeto X pelo Dr Cain, ou seja, ele não se lembra de Zero, ou as coisas que aconteceram depois que ele foi acordado pela primeira vez, pois tecnicamente essa versão de fato não havia vivido esses eventos. Ele então se junta a um grupo de soldados, assumindo o papel de Legendário X e decide por em prática os desejos e sonhos de seu criador, Dr Lightman, que é tornar a convivência de Humanos e Reploids pacífica e para isso, ele decide criar uma cidade administrada por ele, chamada Arcadia. Bem, isso vai em contrapartida ao final de X5 “bom”, onde X mantém sua memória de Zero e inclusive fica com o Z-Saber dele, jurando continuar sua luta ao lado dos Maverick Hunters. Ambos os finais existem e acontecem na mesma realidade, porém em tempos diferentes e é importante entender isso e a ligação entre eles, para poder prosseguir na interpretação dessa saga. Há três finais para o jogo MegaManX5, sendo um deles uma ligação direta com a saga Zero e os outros dois uma continuação pra própria saga X. A razão real pra isso foi um conflito de interesses do criador de MegaMan e da Capcom, entretanto, talvez por sorte, as histórias retomaram seus rumos. Vou tentar separar tudo e depois juntar explicando a cronologia:

A cronologia exata é:

Saga Rock > X1 > X2 > X3 > X4 > X5 > Final “bom” do X5 > X6 > X7 > X8 > Final “ruim” do X5 > Saga Zero (...)

Explicando:

Últimos momentos de X5:

X e Zero derrotam Sigma, porém Sigma lança um golpe fatal, perfurando os dois e conseqüentemente explodindo tudo ao redor. Antes dessa explosão, Zero que estava bem mais ferido que X decide entregar seu Z-Saber ao X, pedindo pra que ele continuasse lutando, pois somente ele sobreviveria à explosão. Tudo enfim explode e após a vitória, afinal Sigma havia sido derrotado, os Maverick Hunters imediatamente iniciam buscas para encontrar e resgatar X e Zero, e se possível, restaurá-los.

Final “bom” de X5:

Eles encontram X bem danificado, e com ele o Z-Saber, porém não acham mais nada de Zero. Após ser restaurado, X assume seu posto nos Maverick Hunters e passa a usar o Z-Saber, honrando a memória de Zero.

História a partir do X6:

Pouco tempo depois de morto, Zero reaparece completamente restaurado, e se junta a X para suas futuras batalhas. Zero não explica como reviveu, apenas diz que se auto-regenerou após o desastre e estava pronto pra luta. Zero na verdade fazia backup de sua memória em um novo corpo, como precaução após Eurasia, e este corpo estava programado para ser ativado como sendo o próprio Zero, contendo todas suas memórias, determinado tempo depois de sua morte, caso o corpo original de Zero não fosse restaurado.* X e Zero continuam lutando, conhecem Axl, X tenta evitar lutas, enfrentam Sigma mais algumas vezes, e por ai vai, até o dia em que Zero morre e não pode ser regenerado. X então, já com uma mentalidade diplomática, tenta criar Arcadia, buscando dar vida ao sonho de Lightman, mas as coisas não saem como ele planejava e Arcadia se torna só mais um campo de batalha. X então retorna suas caçadas a Mavericks, tentando limpar o mundo, por quase cem anos, até ele cansar e finalmente, se desativar. Pouco mais de cem anos depois, após uma grande guerra onde o mundo estava um caos, uma cientista humana chamada Ciel, encontra vestígios do corpo de X e, baseado em sua lenda, tenta reativá-lo para ajudar a por o mundo em ordem. Ela consegue recriar o corpo de X e reiniciá-lo, mas quando ele acorda, está com sua memória primária, como se fosse a primeira vez dele acordado após sua hibernação como Projeto X.

Final “ruim” de X5:

Após acordado e na ativa, vários soltados questionam X quanto a Zero, e X apenas diz não conhecer nenhum Zero. Esse X, com a memória primária, não conhecia mesmo Zero, nem toda sua própria história, apenas tinha as memórias programadas originalmente por Lightman e as informações básicas atualizadas, contendo eventos importantes e coisas do tipo. X então diz que irá criar Arcadia, uma cidade onde humanos e replóides viveriam em paz, conforme os desejos de seu criador.
Eventos que precedem a Saga Zero:
Quando descobre que Arcadia já havia sido criada pelo X original, e não tinha dado certo por conta dos Mavericks que nunca deixavam a cidade progredir, ele decide radicalizar e criar a Neo Arcadia, que seria a cidade perfeita para a existência humana, onde ele baniria qualquer tipo de reploide, excetuando seus guardiões e seus soldados. Ciel então percebe que aquele X que ela havia ressuscitado, estava agindo de forma errada, pois ele estava não apenas banindo e exterminando Mavericks, como também todos os Reploids que ele considerava fora de seu controle. Reploids inocentes estavam sendo mortos, só porque X não tinha poder sobre eles. Ciel então lidera um grupo de Resistentes e foge de Neo Arcadia. Em uma de suas missões, ela e todo um grupo de reploides são perseguidos pelos soldados de X, e em meio a sua fuga, Ciel descobre ruínas desconhecidas e dentro delas, ela encontra o corpo todo destruído de Zero, o mesmo corpo que havia se perdido séculos atrás, durante a luta contra Sigma. Ela o reativa e ai começa a saga Zero.

*Na verdade isso é apenas uma teoria, afinal não há explicação sobre o retorno de Zero em X6, apenas aquela desculpinha chula de que ele se auto-regenerou. Se tratando de um replóide inteligente, e com um histórico como o dele, acredito que Zero de fato tomou essa atitude para continuar no controle da situação, afinal, X era instável e cabia a Zero proteger-lo e orientá-lo. Também não há preocupação alguma em contar como Zero retornou em X6, nos jogos que se seguem na saga X, deixando esse caso em aberto. É possível que expliquem isso com alguma reviravolta descomunal em algum futuro episódio da saga X, afinal essa saga ainda não foi encerrada, tão como a saga Rock. Algo que pode-se afirmar é que o corpo que retorna em X6, de Zero, não é o mesmo que morre em X5.

Tem muito mais pra se contar sobre a Saga Zero e suas relações com as demais sagas de MegaMan, mas deixarei pra fazer isso nas próximas partes, porque ta ficando grandinha de mais essa aqui.

Então, vamos pra história de Mega Man Zero 1:

Uma cientista chamada Ciel tenta escapar junto com um grupo de reploides, do exército Neo Acardiano. Ciel é caçada como Rebelde, e apesar de ser humana, é considerada cúmplice dos Mavericks que fugiram de Neo Arcadia. Em meio à fuga, Ciel e sua Cyber Elfa de estudos encontram o antigo corpo do lendário Zero, e imediatamente, a Cyber Elfa se sacrifica para dar vida a Zero, torcendo para que ele lutasse e protegesse Ciel e os Resistentes. Zero é restaurado, porém sem memórias, e após uma breve conversa, decide salvar Ciel. Ele luta contra os Neo Arcadianos e escolta Ciel para dentro de um Laboratório Abandonado, buscando alguma forma de escapar. Apesar do ótimo trabalho de Zero, Ciel acaba sendo capturada por um Golem Neo Arcadiano e Zero tenta salva-la, porém a luta se torna difícil e ele se cansa rápido. Nesse momento, um Cyber Elfo estranho surge dos computadores do laboratório, e lança o Z-Saber nas mãos de Zero, dizendo que ele precisa usar sua antiga arma para vencer e salvar a cientista.  Zero sem entender bem, apenas ataca o Golem com seu sabre e o destrói com um único corte, liberando Ciel. Ambos encontram um Trans Server e fogem para a Base da Resistência. Ciel explica para Zero que ela o reativou usando a energia de um Cyber Elfo e que ele é um ser lendário, e suplica por sua ajuda. Zero decide ajudar ela e sua causa, por julgar ser a coisa certa a se fazer. Ele passa a participar das diferentes missões realizadas pelos resistentes, visando ajudar Ciel não apenas a lutar pela liberdade, mas também para melhorar suas pesquisas. Ele também conhece diferentes e memoráveis replóides, como uma menininha que Ciel salvou de Neo Arcadia e um idoso que pediu para Ciel modifica-lo fisicamente para viver e envelhecer com uma humana que ele amava. Conforme avança em suas missões e derrota diferentes reploides e mecanicloides neo arcadianos, Zero se torna mais forte, conseguindo dados para as pesquisas de Ciel, projetos de armas novas para ele, e também descobrindo e resgatando diferentes Cyber Elfos. Ele conhece os quatro Guardiões de Neo Arcadia e seus soldados, que só passam a acreditar que ele é mesmo o lendário Zero após serem derrotados por ele. Mesmo assim, eles julgam Zero como errado e contestam o fato dele estar ao lado do que eles consideram Mavericks. Depois de um tempo, Ciel revela a Zero que ela esta por trás de Neo Arcadia e que é tudo culpa dela. Ela explica que X, criador de Neo Arcadia, foi trazido de volta à vida por ela e que, por perder o controle da situação e ver que X estava matando reploides inocentes, ela decidiu fugir e salvar os reploides das mãos de X. A Base da Resistência é atacada pelos Neo Arcadianos e Zero a defende com todas suas forças, vencendo e ganhando um pouco mais de tempo. Zero ainda sem entender bem o que estava acontecendo, só deseja fazer o bem e decide lutar contra X. Após tomar tal decisão, ele pede para ser levado pra dentro de Neo Arcadia, para destruir o Ditador X, e por um fim nos males feitos por ele. Ciel diz que tem as coordenadas e também consegue teleporta-lo, mas  por conta das barreiras que protegiam Neo Arcadia, não dava para prosseguir e que era preciso derrubar o sistema de segurança de acesso primeiro. Nesse momento, o Cyber Elfo que deu o Z-Saber surge dos computadores da Base da Resistência, e diz que já fez o trabalho de derrubar o sistema de segurança de Neo Arcadia, e pede para que Zero derrote o outro X. Zero ainda sem entender, aceita o pedido e segue em frente. Ao invadir Neo Arcadia ele luta contra diferentes reploides e também reenfrenta todos os soldados antes derrotados por ele. Vitorioso, ele acaba barrado pelos quatro Guardiões de X, e os derrota, três deles fogem, porém um, Phanton, por orgulho, decide se explodir e destruir Zero junto, mas Zero escapa da explosão sem sofrer danos. Ao encontrar a sala onde X estava, os três guardiões remanescentes reaparecem para defendê-lo, porém X os expulsa e diz que eles são inúteis, e os três saem. X então explica a Zero que em Neo Arcadia, ele conseguiu dar a paz que a humanidade tanto procurava e que, com essa ilusão, ele tinha alcançado o que nem mesmo o X Original havia conseguido. Zero caçoa, diz que aquilo tudo é uma piada e que, a paz que ele havia conseguido às custas de replóides inocentes assassinados não valia de nada. X fica bravo e fala que irá mostrar a Zero seu real poder, e ambos se enfrentam. Após derrotá-lo, Zero diz que apesar dele não se lembrar, seu corpo sentia e sabia que aquele poder não se igualava ao poder do X verdadeiro e que aquele X era só uma cópia fajuta do X Original. X então altera completamente sua forma física e ataca Zero com todas suas forças, mas é facilmente derrubado por ele. Diante da sucata do falso X, Zero diz “O que difere você do X verdadeiro, é que ele não era maligno como você e isso o tornava um Herói.” Irritado e derrotado, X ativa o sistema de Auto Destruição e diz que ele não iria morrer sozinho. Tudo explode, mas Zero consegue escapar e cai no deserto desacordado. Ao lado dele então surge o verdadeiro X, em sua forma Cyber Elfica e gera um holograma de si. Ele pede para Zero continuar lutando e desfazer tudo o que sua versão maléfica havia causado. Ele conta que lutou quase um século contra os Mavericks, após a morte de Zero, e que só lamenta o fato de ter se acostumado a lutar, coisa que ele não gostava de fazer. Diz que irá descansar e deixará tudo nas mãos Zero, pelo menos por hora, e desaparece. Logo em seguida, Zero levanta e diz que irá honrar a alma de X, como X honrou a sua alma e que era isso que os tornavam grandes parceiros. Zero então avança para uma multidão de Reploides Neo Arcadianos, e continua lutando, para um dia, talvez, trazer uma verdadeira paz ao mundo, para humanos e reploides.

É isso, acabei por hoje. Como já disse, nos próximos posts eu explicarei o que são os Cyber Elfos, e todas as demais questões sobre a saga Zero e suas ligações com as demais sagas. Por hora, é isso.

Todas as informações contidas nesse artigo podem ser encontradas nos jogos citados. Caso você duvide, vá jogar e descubra por si mesmo.

Já terminei de editar, também corrigi alguns erros ortográficos e algumas informações erradas. Vejam se quiserem:

http://divulgantemorte.blogspot.com.br/2013/09/analise-megaman-zero-14.html#more
avatar
ShadyMorte

Mensagens : 172
Data de inscrição : 13/01/2010
Idade : 26
Localização : Cadeira Dura Pacas

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rascunho da primeira parte da saga Zero, to add imagens antes de publicar no DivulganteMorte, avaliem se quiserem

Mensagem  *Morpheu.Musico* em Qui Set 12, 2013 2:47 am

legal o blog embora fundo preto força minha vista o que e ruim so que tirando isso o blog ta massa parabens
Ps faça o manga do rp do dimar

_________________
Hi este e o forum solidarius postem seus guias, suas dicas e suas duvidas vamos nos comunicar

avatar
*Morpheu.Musico*

Mensagens : 981
Data de inscrição : 22/11/2009
Idade : 31
Localização : Santo André /SP

Ver perfil do usuário http://morpheucultural.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rascunho da primeira parte da saga Zero, to add imagens antes de publicar no DivulganteMorte, avaliem se quiserem

Mensagem  ShadyMorte em Qui Set 12, 2013 5:29 pm

Velho, to ruim pra desenhar ultimamente... falta de motivação... perda de inspiração... coisas do tipo. O fundo preto do blog me agrada mas... se ta ruim pra ler... recomenda que cor?
avatar
ShadyMorte

Mensagens : 172
Data de inscrição : 13/01/2010
Idade : 26
Localização : Cadeira Dura Pacas

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rascunho da primeira parte da saga Zero, to add imagens antes de publicar no DivulganteMorte, avaliem se quiserem

Mensagem  *Morpheu.Musico* em Sab Set 14, 2013 2:46 am

cores leves, tipo un azul claro, branco, nada q de extravagante, mas so mude se quiser, o blog e seu, esteticamente cor preta fica legal,
so q tem esse problema de forçar a vista

_________________
Hi este e o forum solidarius postem seus guias, suas dicas e suas duvidas vamos nos comunicar

avatar
*Morpheu.Musico*

Mensagens : 981
Data de inscrição : 22/11/2009
Idade : 31
Localização : Santo André /SP

Ver perfil do usuário http://morpheucultural.blogspot.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rascunho da primeira parte da saga Zero, to add imagens antes de publicar no DivulganteMorte, avaliem se quiserem

Mensagem  D. Criador em Ter Set 17, 2013 11:10 am

Quero com fotos, se não fico com medo de ler um texto tão grande :/

_________________
DEMACIAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
Rolling Eyes
avatar
D. Criador

Mensagens : 1285
Data de inscrição : 08/01/2010
Idade : 98
Localização : São Paulo/sp

Ver perfil do usuário http://www.youtube.com/user/BakaNubiJogos/videos

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Rascunho da primeira parte da saga Zero, to add imagens antes de publicar no DivulganteMorte, avaliem se quiserem

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum